A Cidade Informal no Século XXI

Projetos de urbanização de favelas para a Cidade desenvolvidos por arquitetos nacionais e internacionais fazem parte da exposição intitulada A Cidade Informal no Século XXI. A mostra apresenta as soluções elaboradas durante dois anos para a favela de Paraisópolis (que foram destaque na 4ª Bienal Internacional de Roterdã), além de estudos de alunos pós-graduados das universidades americanas de Harvard e Columbia e da Escola da Cidade de São Paulo.

A Cidade Informal está dividida pelos temas Conexões, Transições, Fruições e Transformações e compõe-se de painéis e maquetes que detalham cada projeto por meio de croquis, fotos, textos e mapas, além de vídeos da última Bienal holandesa.

O público poderá propor soluções por escrito, rascunhar projetos e acessar dados sobre São Paulo armazenados no sistema de mapeamento de assentamentos precários da Secretaria Municipal de Habitação (Habisp). E, ainda, agendar uma visita monitorada a Paraisópolis às quartas-feiras, em vans que saem do Museu da Casa Brasileira - que cedia a mostra.

O futuro da cidade informal será debatido no dia 12 de abril, às 20h, pelo historiador e urbanista italiano Bernado Secchi - considerado um dos papas mundiais em cidades - e pelo arquiteto Sérgio Magalhães, criador do programa carioca Favela-Bairro.

No dia 3 de maio, complementa a mostra, uma mesa-redonda sobre as experiências implantadas em países da América Latina, com a presença dos arquitetos responsáveis pelos projetos apresentados.

Veja a programação completa no sítio do Museu da Casa Brasileira.

A mostra foi inaugurada dia 07 de abril, no CEU Paraisópolis, com a presença dos ministros holandeses Maxime Verhagen (Relações Exteriores), Camiel Eurling (Transporte, Obras Públicas e Manejo das Águas), do diretor da Bienal Internacional de Roterdã, George Brugmans e diversas autoridades brasileiras.

Serviço:
Museu da Casa Brasileira
Av. Brig. Faria Lima, 2.705 - F: 3034.6196
Mostra: 8 de abril a 9 de maio

Fonte: DOC 07/04/10
Fotos: Fabio Knoll - MCB

Comentários

Debate muito interessante.
Gostaria muito de participar de um desses.
Muito bom vc divulgar, Dilze.
Bjos pra vc

Postagens mais visitadas deste blog

Penha de França: o bairro mais antigo

Cidade Compacta - o que é isso?

SP 2040, Visão e Plano de Longo Prazo para Sampa